Performancing Metrics

O que é a eclosão ou endotoquia matricida em nematoides ?

A eclosão ou endotoquia matricida em nematoides

Quem estuda e vive a observar nematoides, ao estereoscópio ou microscópio pp. dito, já deve ter se deparado com o fenômeno da eclosão ou endotoquia matricida. Afinal, de quê estamos falando? Trata-se de ocorrência comum na natureza, já relatada em nematoides obtidos do solo (rabditídeos), entomopatogênicos (Heterorhabditis; Steinernema) e fitoparasitas (Anguina, Pratylenchus, Meloidogyne, Aphelenchoides e outros). Em resumo, trata-se de condição na qual ovos dão eclosão a juvenis ainda dentro dos úteros de fêmeas maduras, que passam então a migrar pelo interior dos corpos destas, onde se alimentam e desenvolvem. À medida que vão aumentando de tamanho, tais juvenis se tornam bem visíveis mediante exame com equipamentos ópticos. O conteúdo interno das fêmeas comumente é esgotado em sua maior parte, ficando elas quase transparentes; o número de juvenis no interior das fêmeas varia muito. Por fim, há a “saída da prole” ao ambiente externo, no geral por rompimento da cutícula. O vídeo acima ilustra essa curiosa ocorrência biológica.

Você pode receber todas as mensagens assinando nosso RSS 2.0 feed. Você pode deixar uma resposta, ou voltar para a página principal.
Deixar uma resposta

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*