Performancing Metrics

RELEVANTE: sobre o atual cenário nematológico nos EUA

 

Um preocupante cenário é delineado pelo colega Dr. Tom Powers, da Universidade de Nebraska, em material divulgado em 2013, com relação às percepções externadas pela maioria dos profissionais ligados à Fitonematologia atuantes nos Estados Unidos sobre a possibilidade de agravamento dos problemas nematológicos naquele país eventualmente causados pela introdução de novas espécies exóticas, principalmente de nematoides de galhas e de cistos. O autor endereçou um questionário a 53 nematologistas radicados nos EUA com três perguntas (intrigantes) e, após compilar os resultados (46 respostas obtidas), alistou considerações muito interessantes sobre o assunto, que todos – inclusive os nematologistas do Brasil – devem conferir com muita atenção e refletir a respeito. Apesar das notórias diferenças existentes entre Brasil e EUA, no que tange à Fitonematologia, não será difícil verificar como temos muitas coisas em comum. Um excelente material, a ser lido e relido, pensado e repensado. Na verdade, é um arquivo PDF organizado a partir de uma série de eslaides com conteúdo em inglês (veja amostras na galeria acima); para facilitar, aos que não têm fluência no inglês, um PDF incluindo sequência de três dos eslaides-chave com texto vertido ao português foi também incluído, para ser consultado de modo complementar ao original. Certamente, a conferir !

Você pode receber todas as mensagens assinando nosso RSS 2.0 feed. Você pode deixar uma resposta, ou voltar para a página principal.
Uma Resposta
  1. Guilherme L. Asmus disse:

    Muito interessante.
    Qual seria a percepção dos nematologistas brasileiros? E dos agentes de assistência técnica?
    Realmente instigante e preocupante o sentimento de que as práticas de manejo nas últimas décadas continuam as mesmas.

Deixar uma resposta

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*