Performancing Metrics

IMPERDÍVEL: Pesquisa científica – profissão de risco ?

Alertados pelo colega de SBN, o Dr. Manuel Mota (Universidade de Évora/Portugal), tomamos ciência de fato que, de tão bizarro e surreal, mas perturbador porque verdadeiro, merece ser divulgado a todos os membros da SBN, profissionais e estudantes. A situação se passa nos últimos 5 anos, na Itália, e envolve grave problema de martelli00doença em pomares de oliveira na província de Lecce. Quem narra o acontecido, sob sua visão pessoal, é o Dr. Giovanni P. Martelli, veterano virologista da Universidade de Bari que, nos anos 1970, foi parceiro do saudoso nematologista Dr. Franco Lamberti em estudos sobre a transmissão de viroses por fitonematoides em alcachofra (Roca, F.; G.P. Martelli; F. Lamberti; G.L. Rana, 1975. Distribution of Longidorus attenuatus in Apulian artichoke fields and its relationship with artichoke Italian latent virus. Nem. Mediterranea 3:91-101). Traduzimos e resumimos o excelente texto dele sobre o assunto, publicado em maio deste ano (foto) sob o título “Xylella, a modern italian tale” no Newsletter of the Georgofili Academy; a um só tempo é imperdível, duro de acreditar e leitura instigante. Não deixe de conferir e depois reflita a martelli01respeito. A repercussão no meio acadêmico/científico foi tamanha que artigo sobre o tema foi publicado recentemente no Scientific American (foto) de modo a chamar a atenção para um fato que parece envolver autêntica comédia de erros (atenção: é preciso pagar para ter acesso ao artigo inteiro!). Ou será que a pesquisa científica atualmente se tornou mesmo uma profissão de risco? Acredite se quiser, ou puder!

Você pode receber todas as mensagens assinando nosso RSS 2.0 feed. Você pode deixar uma resposta, ou voltar para a página principal.
Deixar uma resposta

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*