Performancing Metrics

Tag-Archive for » Leandro Freitas «

Brasileiros em artigo entre os Top 100 da Scientific Reports

Com muita satisfação, a SBN divulga a auspiciosa notícia de que três nematologistas do Brasil, membros da entidade, figuram entre os autores de artigo que foi incluído entre os Top 100 most read plant science papers for Scientific Reports durante o ano de 2017.

O artigo “Tomato progeny inherit resistance to the nematode Meloidogyne javanica linked to plant growth induced by the biocontrol fungus Trichoderma atroviride“, de autoria de Hugo A. de Medeiros, Jerônimo V. Araújo Filho, Leandro G. Freitas, Pablo Castillo, Maria B. Rubio, Rosa Hermosa e Enrique Monte, que por ser open access tem seu PDF aqui disponível, destacou-se como um dos mais consultados durante 2017 pelos leitores da prestigiosa publicação Scientific Reports, um mega periódico editado pelo conglomerado Nature Publishing que engloba manuscritos das mais diferentes vertentes da área científica. O estudo trata da herança de resistência ao nematoide de galha Meloidogyne javanica em progênies de tomateiro induzida pelo biocontrole da espécie pelo fungo Trichoderma atroviride.

Mais do que motivo de alegria à comunidade nematológica brasileira, tal fato vem evidenciar a relevância do estabelecimento de parcerias de pesquisa entre membros de distintos grupos de trabalho e instituições na especialidade nematológica, como verificado no caso entre Espanha e Brasil. E a Nematologia não para…

Defesas nematológicas/ UFV: é a vez de Minas Gerais

Aberta a temporada de defesas de dissertações e teses pelo Brasil, é agora a vez de noticiarmos prazerosamente que mais quatro delas, ocorridas há dias na Universidade Federal de Viçosa, no âmbito do PG em Fitopatologia local, foram bem sucedidas. Não se percam! 

Huarlen Marcio Balbino, engenheiro-agrônomo, defendeu a dissertação “Duddingtonia flagrans: Associação com Pochonia chlamydosporia para o controle de Meloidogyne javanica e crescimento endofítico em soja”, tendo os Drs. Leandro G. de Freitas e Thalita S. A. Monteiro como orientador e coorientadora, respectivamente. Na foto acima, aparecem junto aos membros da banca examinadora, Drs. Gleiber Furtado e Marisa Queiroz. 

Também contando com os Drs. Leandro e Thalita como orientador e coorientadora, o engenheiro-agrônomo Paulo Victor Magalhães Pacheco foi aprovado na defesa da dissertação “Biocontrole de Meloidogyne javanica e Pratylenchus brachyurus por Pochonia chlamydosporia e Trichoderma sp. em soja e milho”, tendo sido examinadores os Drs. Gleiber Furtado e Wânia Neves (foto acima).

   Resultado de imagem para universidade federal viçosa fitopatologia

A terceira dissertação foi defendida pela bioquímica Angélica de Souza Gouveia (foto acima), que  realiza pesquisas com fitonematoides desde o curso de graduação. A orientação ficou a cargo do Dr. José Humberto Queiroz e os Drs. Thalita S. A. Monteiro, Filippe E. F. Soares e Humberto Josué Ramos foram coorientadores. Compondo a banca examinadora estiveram os Drs. Leandro G. de Freitas, Filippe E. F. Soares e Humberto J. Ramos.  

Por fim, houve também a defesa da tese de doutorado “Controle biológico de Meloidogyne javanica utilizando Bacillus thuringiensis e Alcaligenes faecalis” pela engenheira-agrônoma Fernanda Carla Ferreira, orientada do Dr. Leandro G. de Freitas. Além deste, foram membros da banca examinadora os Drs. Wânia Neves, Manoel Lemos e Dalila Buonicontro (foto acima).

A SBN parabeniza a UFV, os orientadores e coorientadores e especialmente os quatro pós-graduandos e seus familiares pelo êxito alcançado nessa etapa da vida acadêmica e conta que possam ter feliz continuidade em suas carreiras profissionais. Dada a atualidade e interesse dos estudos ora defendidos, espera-se que os autores disponibilizem seus conteúdos online, como PDFs, o quanto antes. Seguem adiante, a temporada de defesas e a Nematologia!

Livro Novo: Biocontrole de Nematoides com Pochonia !

A editora internacional Springer lançou no corrente ano um novo livro-texto sobre as perspectivas ao uso de Pochonia chlamydosporia no biocontrole de fitonematoides (capa, na foto), tendo como organizadores da obra os Drs. Rosa H. Manzanilla-López e Luis Vicente Lopez-Llorca. Trata-se de nova publicação multidisciplinar dividida em capítulos (n=18), sendo o inicial voltado a aspectos históricos do tema e o último dedicado à análise das perspectivas de emprego, em âmbito mundial, dessa ferramenta de biocontrole no manejo integrado de fitonematoides. Os 16 capítulos intermediários detalham os mais variados aspectos relativos a esse microrganismo, incluindo sistemática, biologia, interações entre o fungo e nematoides e muitos outros. Para todos os detalhes sobre o livro, inclusive custo para aquisição das versões online (total, ou de capítulos individuais) e impressa, clique aqui.

A destacar a participação de nematologistas brasileiros como autores, a exemplo do capítulo # 4 – “Interactions between Pochonia chlamydosporia and Nematodes” – dos colegas de SBN, Drs. Thalita Suelen Avelar Monteiro, Everaldo Antonio Lopes e Leandro Grassi de Freitas, além de Harry Charles Evans. A Dra. Rozane H. Curtis também é coautora de um dos capítulos, bem como o Prof. Leandro é co-responsável por aquele intitulado “Pochonia chlamydosporia Microbial Products to Manage Plant-Parasitic Nematodes: Case Studies from Cuba, Mexico and Brazil”. 

Com o crescimento muito significativo em todo o mundo no interesse pelo emprego de diferentes microrganismos no biocontrole de fitonematoides na última década em particular, inclusive no Brasil, a disponibilização de compêndios bem organizados como esse – sobre P. chlamydosporia – vem de encontro às expectativas de estudantes avançados, de profissionais envolvidos com assuntos fitossanitários, de produtores rurais e mesmo do público em geral. A conferir !