Performancing Metrics

Tag-Archive for » manejo de nematoides «

Aconteceu o minicurso Manejo de Nematoides na UFMT

Com organização e promoção apoiadas pelo NESA, a Universidade Federal de Mato Grosso, em sua unidade de Cuiabá, levou a efeito no último dia 2 de dezembro minicurso temático voltado ao Manejo de Fitonematoides, ministrado pelo Dr. Giovani Arieira, docente e pesquisador da Instituição. Tal evento já havia tido uma primeira edição há pouco tempo e esta segunda versão objetivou possibilitar participação aos que não puderam estar presentes na primeira (foto acima). O assunto tratado é de notória atualidade – o controle dos nematoides daninhos à soja e a outras culturas de interesse do Brasil Central – e foi bem escolhido para apresentação neste momento. 

Representou, diga-se, o debut profissional do Prof. Giovani (foto), contratado recentemente pela UFMT/Cuiabá, que se saiu muito bem, recebendo elogios de participantes e organizadores. Trata-se de novo recurso humano a integrar o grupo de colegas que, há anos, vem atuando com dedicação e eficiência na difusão do conhecimento nematológico não apenas em Mato Grosso, mas no âmbito de toda a região Centro-Oeste. Num tempo em que se tem notícia de vários profissionais mal (ou não) preparados a tentar realizar essa tarefa, realizando diagnósticos sobre nematoses e elaborando estratégias de manejo de nematoides sem dispor de suficiente sustentação técnica para isso, é alentador saber que mais um “apóstolo” qualificado se lança a campo para ajudar nessa difícil messe. Muito bom, pois avançar sempre é preciso. Bem-vindo ao time, Giovani!  

Drops nematológicos: minicurso na UFMT/ 35º CBN “voando”!

Mal assumiu a função docente na UFMT, o colega Dr. Giovani de O. Arieira já começa a mostrar serviço oferecendo minicurso sobreManejo de Fitonematoides” como parte da programação técnica do evento “XXIV Semana Acadêmica de Agronomia da UFMT”, prevista para acontecer nas dependências da Faculdade de Agronomia e Zootecnia (FAAZ) no período de 23 a 27 de outubro p.f., com temática central intitulada “Do campo à mesa, desafios e perspectivas”. As atividades do minicurso terão lugar de 24 a 26, num total de 12 (doze) horas de duração. Os interessados poderão formalizar a inscrição no evento ao custo de R$ 40,00 (quarenta reais), que já inclui participação no minicurso, clicando aqui! Boa ocasião de atualização aos participantes a respeito dos problemas mais frequentes causados por fitonematoides na sojicultura e em outros cultivos de interesse na região Centro-Oeste, em especial no estado de Mato Grosso, bem como sobre possíveis recomendações ao manejo desses importantes fitoparasitas. Manda ver, Prof. Giovani! 

De outra parte, com satisfação, a comunidade nematológica nacional tem acompanhado as ações iniciais da Comissão Organizadora do 35º Congresso Brasileiro de Nematologia (CBN), a se realizar em junho de 2018 em Bento Gonçalves (RS). Após anúncios sequenciais de uma série de palestrantes que, convidados, confirmaram já as suas participações no evento, foi agora dada a conhecer a composição da Comissão Científica (ver abaixo) que irá assessorar os organizadores, principalmente por ocasião da análise dos resumos de trabalhos submetidos à apresentação durante o CBN. Lembramos que, além da página do evento no Facebook, estamos divulgando também aqui no site da SBN (área própria, numa das colunas verticais da homepage), dentro do possível, tudo aquilo que constitua novidade neste período de planejamento do CBN-2018. Vai, Nematologia !

Nematoides em cana: dicas de manejo do M. Inomoto

Ao longo dos últimos vinte anos, o Dr. Mario Massayuki Inomoto, docente/pesquisador em Nematologia de Plantas da ESALQ/USP – Piracicaba, tem escrito artigos técnicos e textos de difusão cultural abordando o difícil manejo de nematoides fitoparasitas ocorrentes em várias culturas importantes, como algodão, soja, hortaliças e outras. Desta feita, durante entrevista, trata das principais medidas hoje empregadas no controle dos fitonematoides mais daninhos à cultura da cana de açúcar, com ênfase à relevância do uso de certos adubos verdes e dos mecanismos pelos quais tais plantios podem trazer benefícios ao produtor. Os prós e contras decorrentes do cultivo de crotalárias, mucunas e outros adubos verdes, as épocas mais adequadas para tais plantios, as espécies de fitonematoides combatidas com maior eficácia e outros aspectos são comentados na matéria. “Chega de nematoide na cana de açúcar!” é o mote da reportagem. Você poderá lê-la na íntegra clicando aqui ou salvá-la em PDF para seu acervo clicando aqui ! Confira e aprenda! É nóis da Nematologia de novo na tela e nos jornais e magazines!