Performancing Metrics

Tag-Archive for » UNESP-Jaboticabal «

A tese de Fernando Chiamolera: M. enterolobii x mirtáceas

Fernando Marcelo Chiamolera (foto), kid iniciado na Nematologia de Plantas sob a supervisão da colega Dra. Claudia Arieira ainda na graduação na Universidade Estadual de Maringá e depois mestrando Fernando_Chiamolerana mesma instituição (2012) com dissertação orientada pelo Dr. Eliezer Souto e coorientada pela Dra. Claudia, defendeu com sucesso em 2015 a sua tese de doutorado na FCAV-UNESP de Jaboticabal. O trabalho acadêmico intitulado “Reação de araçazeiros a Meloidogyne enterolobii e enxertia da goiabeira ‘Paluma’ em portaenxertos resistentes” foi desenvolvido no regime de doutorado-sanduíche, sob a supervisão dos Drs. Antonio Baldo G. Martins e Jaime Maia dos Santos na etapa nacional e pelo Dr. Julián C. González, da Universidad de Almería/ Espanha, na fase europeia do projeto. Mais uma relevante contribuição é incorporada, portanto, ao acervo sobre o complexo manejo de M. enterolobii no cultivo de mirtáceas no Brasil, assunto que vem merecendo grande atenção e cuidado de parte dos fitonematologistas há quase 15 anos. Parabenizamos autor e orientadores pela produção e disponibilização da tese, que passará a integrar o Banco de Teses deste site oportunamente.

Prof. Jaime Maia dos Santos chega à aposentadoria.

           

O Prof. Dr. Jaime Maia dos Santos (UNESP/FCAV Jaboticabal), de viva voz, deu ciência aos seus muitos colegas de SBN durante o recente 32º Congresso Brasileiro de Nematologia (Londrina/PR) que a sua aposentadoria foi publicada no último dia 6 de maio. Tendo atuado como pesquisador na Embrapa/ Petrolina e na Universidade Federal de Viçosa, no início da década de 1990 transferiu-se para a UNESP (FCAV-Jaboticabal), onde se radicou até a aposentadoria recém-ocorrida. Ao lado das publicações nematológicas (artigos, boletins técnicos, teses etc.), por suas reconhecidas habilidades no manuseio de equipamentos ópticos, foi muitas vezes convidado a colaborar na realização de pesquisas em outras áreas da Biologia, sendo sempre bem sucedido. Tornou-se um dos mais requisitados consultores na especialidade fitonematológica na última década, viajando constantemente para diferentes recantos do País. Não fosse por outros atributos, seria sempre lembrado por sua espontânea e inigualável gargalhada. Ao Jaime, que, livre dos compromissos acadêmicos formais, deverá ainda estender a sua atuação como consultor, a SBN deseja “uma boa vida após a aposentadoria”. Felicidades!